Atenção! Este site usa cookies. Ao navegar no site está a permitir a sua utilização! Saiba mais.Fechar
Curso Programador de Android

Mudar de emprego – e quando não sabe qual escolher?

Sabemos que não é fácil tomar a decisão de mudar de emprego. Para trás pode deixar até um trabalho de que gosta, pessoas com quem gosta de passar o dia… Mas a verdade é que há uma fase na vida em que a mudança é tudo o que precisa para voltar a sentir-se motivado e feliz.

 

Ou então, há aquele momento em que, depois de meses à procura de trabalho, em vez de uma tem duas ofertas à sua espera!

 

E agora, qual escolher?

 

Como escolher

Antes de mais, ao mudar de emprego, tem de ter presentes os motivos que o levaram a sair da atual empresa. Não vai querer trabalhar numa empresa em que se sinta da mesma forma.

 

Também não se pode esquecer o que é que o levou a querer candidatar-se aquela oferta em específico. Terá sido o tipo de trabalho a desenvolver? Ou a empresa, que já conhece e na qual gostava de trabalhar?

 

Uma coisa é certa: não deixe o salário ser o único fator de escolha. Ponha as duas (ou mais) ofertas lado a lado.

 

O salário e extras

Mas não deixa de ser importante, sobretudo se quer mudar de emprego para ter melhores condições financeiras.

 

Nada como pesar as duas ofertas. E não falamos só de salário base. Pense em todos os benefícios que veem com o trabalho: subsídios extra, prémios, seguros pessoais… Nunca será julgado por querer uma vida mais confortável.

 

Benefícios não financeiros

Se não tiver carro, talvez seja mais complicado aceitar uma oferta de trabalho muito longe de casa, não é? Durante a sua avaliação, este pode ser um fator a ter em conta.

 

Depois, tem tudo o resto: o horário de trabalho, a flexibilidade que pode ou não ter, se terá um título mais valorizado ou não… Parte de si saber o que valoriza, e aquilo que está à procura.

 

Vai evoluir na carreira?

Se a sua preocupação é não estagnar ao longo dos anos, veja qual é a empresa que lhe dá mais opções de crescimento. Seja a nível de carreira, ou mesmo de aprendizagem. É normal que queira continuar a ser desafiado e aprender coisas novas, e não vai conseguir num emprego que já pensa que pode ser limitativo.

 

A equipa

Já reparou que passa mais tempo com os seus colegas de trabalho do que com a família ou amigos? Não queira estar num ambiente em que não se sente confortável, ou feliz. É verdade que, durante o processo de recrutamento, nem sempre tem oportunidade para ficar a conhecer os seus possíveis futuros colegas, mas os recrutadores podem ser bons exemplos da cultura e valores da empresa.

 

Existe sempre um “feeling”, não é? De certeza que consegue perceber se aquele é um sítio em que ía gostar de trabalhar ou não.

 

E daqui a uns anos, vou querer mudar de emprego?

Ao longo dos anos, podem mudar as nossas prioridades e necessidades. Isso não significa que não possa já ter uma noção daquilo que quer. Por isso, antes de escolher, pense se acha que se via a trabalhar naquela empresa daqui a cinco anos.

 

Não só pelo tipo de trabalho, mas também por todos os fatores acima. Se quer mudar de emprego, ou começar a trabalhar, o seu bem-estar não pode ser esquecido!

Tags: ,
Junta-te à nossa Conversa
pub
Receba novidades sobre emprego
e cursos técnicos todos os dias no
seu email
Obrigado pelo seu registo.
Eu Tenho Valor
pub
Cursos por Áreas
de Actividade

Porque eles querem acabar com a ADSE

Podem apenas um milhão e treze...

Alemanha bate recorde...de emprego!

A Alemanha prospera nas cinzas ...

Conseguir uma carreira de sucesso

É mais fácil do que al...